quinta-feira, 6 de abril de 2017

Miss Fisher's Murder Mysteries. Você precisa ver essa série!!!

A Netflix já um grande acontecimento, mudou a forma como vemos TV, quebrou o monopólio dos grandes grupos de entretenimento e democratizou o acesso a produções de qualidade. Numa dessas minhas incursões pela plataforma, descobri uma preciosidade australiana, só me arrependo de não ter conhecido antes a série, mas já resolvi esse probleminha com uma boa dose de maratonas!!! A série em questão é a aclamada Miss Fisher's Murder Mysteries, protagonizada por Essie Davis!!!


Em pleno século 21, o machismo ainda está bem vivo, então parece incrível que uma das maiores referências na ficção televisiva sobre feminismo e empoderamento da mulher seja uma série criminal ambientada na Austrália dos anos 1920. A primeira temporada, exibida em 2012 pelo GNT (canal pago do grupo Globosat), chegou silenciosamente à Netflix, mesmo assim, a grande plataforma fez com que a história de uma ousada detetive amadora arrebatasse muitos fãs entre seus usuários. A plataforma já conta com as três temporadas produzidas.



O título é bobo e a trama parece bastante inocente à primeira vista. Baseada em uma série de romances da escritora australiana Kerry Greenwood (ainda não traduzidos para o português), o programa acompanha as aventuras de Phryne Fisher (Essie Davis), uma herdeira moderna e sedutora que, depois de passar muitos anos fora da Austrália, volta a Melbourne e começa a solucionar crimes e mistérios, uma mistura de Agatha Christie e Arthur Conan Doyle.

Kerry Greenwood.
A série é um ode ao feminismo, uma produção necessária em tempos de ódio como o nosso. Começamos com Miss Phryne, uma mulher independente, experiente, astuta, generosa, cheia de atitude e, declaradamente, nada interessada em casamento — mas com uma vida sexual bem movimentada por diferentes parceiros. Seu espírito livre escandaliza algumas pessoas, incluindo sua tia conservadora Prudence, que condena suas ações desafiadoras à sociedade vigente. Além disso, uma das melhores amigas de Phryne, Mac, é uma médica lésbica, e os episódios já abordaram, de forma delicada e, ao mesmo tempo, informativa, temas como abortos clandestinos e práticas inseguras de trabalho em uma fábrica composta de mulheres. Ajudar outras a reconhecer seu papel importante parece uma das missões da personagem de Essie, que transformou sua acompanhante Dot, por exemplo, de uma menina acuada sem objetivos na vida em uma corajosa ajudante de detetive.

Mac e Phryne!!!
Phryne e sua intérprete, por si só, já desafiam a indústria sexista do entretenimento. Aos 45 anos, Essie está fora da faixa etária geralmente escolhida para papéis de protagonistas sedutoras. Que bom!!! Sua força e sua atuação passam um recado muito claro e relevante a quem se permita investigar crimes junto com ela em frente à TV.

Boa #maratonaNetflix para todos!!!

13 comentários:

  1. Oi, tudo bem?
    São tantas séries para ver na netflix que fico doidaaa! Achei essa bem interessante, vou dar uma conferida nela depois.
    Adorei a dica. Seguindo o blog.

    Beijos
    construindoestante.blogspot.com.br || Concorra a um vale presente de R$40,00

    ResponderExcluir
  2. Nossa!Fiz um post sobre séries da Netflix que eu assisto no meu blog essa semana kkkk Mais uma pra adicionar na lista! Ótima indicação! Beijos

    ResponderExcluir
  3. Ooi Felipe, tudo bom??
    Como tem tanta série incrível escondida na Netflix? Cada dia descubro uma diferente SHAUSHA
    Já adorei por se passar na década de 20 e ser bem feminista sim \o HAUSHUAH
    Dica anotada!
    Beijoos,
    Sétima Onda Literária

    ResponderExcluir
  4. Oiii
    A Netflix tem muitas séries boas não é mesmo?
    Não conhecia essa, achei bem interessante, vou procurar depois e quem sabe ela não vai pra lista =)

    Beijos
    www.geeklegend.com.br

    ResponderExcluir
  5. como assim? mais uma série e eu não assisti?! adorei, parece muito boa!
    obrigada pela dica ;)

    bjosss

    ResponderExcluir
  6. Gentee, é tanta série que quero ver na Netflix que faltam horas para isso
    o dia tinha que ter 48 hrs, ai ia render!!
    Bjos Isis - minhaestantecolorida.com

    ResponderExcluir
  7. Mais uma série para eu começar a ver na netflix, pena que é mais série do que tempo!!

    ResponderExcluir
  8. Oie!
    Adoro séries assim com mulheres empoderadas, inteligentes e que sabem o que querem!Vou colocar na minha lista de séries para assistir nas férias :)

    ResponderExcluir
  9. Eu não tenho Netflix, mas fiquei curiosa sobre a série. Amei sei post. BJ!

    ResponderExcluir
  10. Uau! Adorei a dica... Já tem tempos que procuro algo nesse estilo na Netflix para sair do óbvio... Essa eu nunca tinha visto falar mas vou procurar logo e assim como você, vou dar uma "maratonada" rsrs... Para dar uma adiantada... ❤ Abraços!!

    www.lendo1bomlivro.com.br
    Instagram :) @lendo1bomlivro

    ResponderExcluir
  11. Muito boa a dica, depois irei procurá-la. Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Oie, tudo bom?
    Graças ao céus existe a Netflix!
    Nunca tinha ouvida falar desta série, se fosse em outros tempos, eu não assistiria, mas meus gostos estão mudando muto ultimamente, e dica anotada ;)
    Que legal saber que tem investigação.

    Bjux ;)
    Entrelinhas

    ResponderExcluir
  13. Olá! Se eu vou maratonar? COM CERTEZA KKK. Adorei a dica e não conhecia... A Netflix tem muita série boa perdida por aí...
    Adorei o post :D
    Beijos, Lorena

    ResponderExcluir